• Festival Diamantino de Circo

Visita aos povoados da região

A Comissão Povoados do Festival Internacional Diamantino de Circo (FESTINO) funcionou em todas edições passadas com muita magia, inclusão, diversidade e formação.

No V FESTINO - realizado em 2019; quando estive de Coordenador da Comissão Povoados, juntamente com Ana Luiza e Guillermo Ariolli -, além de levar arte e circo para Palmeiras e Conceição dos Gatos, também fomos, pela primeira vez, à comunidade 'Lagoa dos Patos', pertencente ao município de Palmeiras/BA. Certamente foi um dos momentos mais emocionantes do festival, pois o brilho no olhar de cada criança que estava na platéia (desde a chegada, montagem, desmontagem, até a saída do transporte que levava artistas e equipe) era nítido e quiçá necessário. Além de apoios do comércio local, também tivemos o apoio da Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de Palmeiras (com o fornecimento de almoço para equipe e lanche para o público da Lagoa dos Patos) e ICMBIO (transportando equipe e artistas para os povoados). Também contamos com a incrível recepção das comunidades. No V Festino, nos primeiros dias de festival, realizamos cortejo musical-circense em Palmeiras, uma varietê de números circenses na Lagoa dos Patos e outra em Conceição dos Gatos. Nesta última, além da varietê realizamos uma partida de futebol com figurinos e fantasias convidando para a festa e diversão nativos da comunidade para jogar com a equipe do festival.

No IV FESTINO, a Comissão Povoados visitou as comunidades de Palmeiras: sede, Campos de São João, Rio Grande e Conceição dos Gatos. Como em todas edições fomos recebidos como reis e rainhas e se formou a festa e um grande banquete. O envolvimento das comunidades e seus agentes culturais locais foi, como sempre, fundamental para a realização das intervenções nestes espaços. O FESTINO, único festival internacional de circo da Bahia, consagrava-se cada vez mais entre moradores (as) como um evento familiar, onde a alta qualidade artística e empenho da equipe envolviam à todos (as) no alto astral do Circo, possibilitando intercâmbios únicos e inesquecíveis.



No III FESTINO, em decorrência da alta demanda da Comissão Limpeza (a qual estava como Coordenador) não visitei os povoados, mas recebi devoluções tão positivas das intervenções que tive a certeza que queria estar nessa "frente" também, nas edições seguintes.


A Comissão Povoados pela primeira vez na história dos FESTINOs não foi ativada este ano (2021), em decorrência às adequações da realização do festival virtual (contexto pandemia). A saudade das comunidades (e da equipe e artistas) é revelada a todo instante e, a função social, artística, inclusiva e de saúde do festival nos motiva a, logo que possível, ativar a comissão e levar alegrias e emoções para os povoados. Na expectativa e esperança que possamos, na próxima edição do FESTINO, voltar presencialmente em cada comunidade que tão bem nos acolhe.

Peregrinos! Ultréia!!!!

João Weber G. Barreto



15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Apoio financeiro: